Sussurro

Deveria ser ilegal ter um rosto como o seu. Tem sido difícil esquecer da proeminência das suas bochechas, dos seus olhos pequenos, da sua boca pronunciada que parece rir de mim o tempo inteiro. Você tem um quê de mistério que me parece rude, mas não há nada em você que denuncie qualquer rudeza – pelo contrário. Você é irritantemente agradável o tempo inteiro, com suas mãos contidas ao lado do corpo e sua postura de quem quer e gosta de servir. Sirva-se como prato principal na minha mesa, se não for pedir muito (Deus sabe o quanto eu pensei nisso nos últimos dias). Desculpe a minha franqueza; nem de longe sou tão delicada quanto você.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s